18/11/2017, 09:57

Denise Cursino

HUSDom inaugura nova Central de Materiais Esterilizados (CME)

CME (Unimed Catanduva)

Nova central é composta por máquinas com tecnologia avançada

 O Unimed Hospital São Domingos (HUSDom) conta agora com mais um diferencial em seus serviços, oferecendo mais segurança aos pacientes com a instalação da nova Central de Materiais Esterilizados (CME). A nova ala foi inaugurada na última sexta-feira,14, e atenderá com mais agilidade todos setores do hospital.

O espaço foi inaugurado pelos presidentes da Unimed Catanduva, Dr. Armindo Mastrocola Junior, e do HUSDom, Dr. Sidney Moreno Gil, que destacaram o avanço e a evolução da unidade, com a instalação da nova Central.

“Para nós, do Corpo Diretivo, este investimento é muito importante, pelo fato de estarmos tornando o Unimed Hospital São Domingos um hospital com mais segurança para os pacientes, com equipamentos de qualidade para esterilização dos materiais usados. Estamos muito felizes em conseguir tudo isso para os nossos cooperados e para os nossos pacientes”, destacou o presidente da Unimed Catanduva, Dr. Armindo Mastrocola Junior.

O presidente do HUSDom, Dr. Sidney Moreno Gil destacou as normas de segurança que a nova Central segue. “A nova Central de Materiais de Esterilização é um avanço, uma melhoria de qualidade para toda a instituição. A CME segue todas as normas de segurança, sendo essencial no cuidado direto ao paciente, além de ser um investimento em tecnologia”, destacou.

A nova instalação é composta por uma lavadora termodesinfectadora com porta dupla, autoclave deslizante vertical, sistema de osmose reversa e lavadora ultrassônica. A unidade atenderá o Centro Cirúrgico, que realiza mais de 250 cirurgias por mês, além de outras alas do hospital, como o Pronto Socorro, Maternidade, Pediatria e postos.

O investimento nas máquinas foi também elogiado pelo Diretor de Recursos Próprios, Everaldo Gregio. “Além da construção da área, o investimento na compra da autoclave e a termosdesinfectadora fará toda a diferença no processo, com máquinas de alto padrão de qualidade”, disse.

Para o Diretor Financeiro da Unimed Catanduva, Dr. Raul Francisco Juliato, a conquista resulta em inovação. “Essa nova ala fornece ao hospital uma diferenciação, tínhamos uma Central de Material quase que obsoleta e hoje podemos contar com esta de alto padrão”, disse.

O investimento é apontado como uma conquista importante na busca de excelência e qualidade. “Constantemente estamos empenhados em proporcionar melhorias em todos os aspectos, mudanças que transformam e a CME é uma grande conquista”, disse o Diretor de Desenvolvimento, Dr. Durval Ribas Filho.

Funcionamento

A equipe ficará dividida em quatro salas. Na primeira, está a termodesinfectadora, que receberá os instrumentais usados, para o primeiro passo da desinfecção. Em seguida, seguem para outra sala, em que passarão pela secadora, que tira toda a água residual da primeira fase.

Antes de seguir para as autoclaves, os instrumentais são montados em caixas. Uma fita, conhecida como fita zebrada é envolvida na caixa para garantir que aquele material passou pelos ciclos de esterilização na autoclave. Ao sair da máquina a listra da fita fica na cor verde que indica que foi esterilizada.

De acordo com a enfermeira responsável pela CME, Maria Nadege Castanho de Angelo, o material esterilizado no invólucro de algodão tem durabilidade de 30 dias e o material que é embalado no papel grau cirúrgico, tem a durabilidade de seis meses. “O tipo de embalagem a ser usada vai depender do material a ser esterilizado”, explicou.

“Antes de seguir para utilização, o material passa por teste biológico. Os profissionais analisam diariamente a eficácia da esterilização”, completou a gerente de hotelaria, Heloísa Lopes.

Centro Obstétrico

A nova CME é uma das melhorias implementadas pelo atual Corpo Diretivo da Unimed Catanduva. Até o primeiro trimestre de 2018, estão previstas a entrega da ampliação do Centro Cirúrgico, ampliação e reforma do Pronto Socorro e o novo Centro Obstétrico, que está em fase de finalização.

Ainda na sexta-feira, os diretores da cooperativa realizaram uma visita à obra em andamento da futura ala da maternidade. Acompanhados pelo presidente do HUSDom, Dr. Sidney Moreno Gil, os presentes conheceram as duas salas para partos normais, um local para parturientes deambular (caminhar), um solário para parturientes e um espaço para elas relaxarem antes do parto.

Fonte e fotos: Comunicações – Unimed Catanduva

Comentários