22/07/2018, 06:50

Denise Cursino

Aula magna da Agronomia da UNIFIPA ressalta a importância da primeira turma

SONY DSC

Fonte: Mauro Assi

Foto: Divulgação

O curso de Agronomia da UNIFIPA realizou sua aula magna no dia 9 de abril último, às 19h30, no Anfiteatro Padre Albino, com palestra do engenheiro agrônomo Luís César Pio, que abordou “O perfil e o mercado de trabalho do engenheiro agrônomo”.

A abertura da solenidade foi feita pelo reitor da UNIFIPA, Dr. Nelson Jimenes, que, ao homenagear a primeira turma do curso no primeiro ano de instalação do Centro Universitário, leu o nome de todos os seus integrantes, assim como dos professores.

Lembrando seu tempo de professor, Dr. Jimenes disse que sempre gostou de ministrar aula para turmas pequenas. “O professor pode olhar para cada aluno e sabe que algo será levado daquela aula, além do que é grande a possibilidade dos alunos se tornarem uma família”, ressaltou. Disse também da certeza que eles terão qualidade de ensino e que o curso vai ficar cravado na região como um dos melhores, senão o melhor, em função do que será oferecido.

Dr. Jimenes, reafirmando a certeza de que os alunos fizeram a melhor escolha pelo curso de Agronomia da UNIFIPA, informou que no livro sobre Padre Albino, na página 90, consta que “em ata do Conselho de Curadores da Fundação, de 22/05/73, alguns meses antes da morte, consta que Monsenhor Albino tencionava criar uma Faculdade de Agronomia, insistindo muito em se conseguir para isso a Fazenda Experimental do Governo do Estado em Pindorama – SP”. Para ele, foi uma premonição que hoje se tornou realidade.

O coordenador do curso de Agronomia, Prof. Dr. João Paulo Ferreira, disse da sua surpresa e orgulho ao saber que Padre Albino já pensava em instalar Agronomia em Catanduva e se comprometeu a fazer o melhor, sempre, e colocar o curso na elite, formando excelentes profissionais.

O agrônomo Luís César Pio lembrou-se da sua paixão pela agronomia e como ela foi despertada. Disse do privilégio daqueles alunos, pois fazem parte da primeira turma de um curso novo numa instituição que tem 50 anos! Informou sobre os questionamentos que devem ser feitos para a escolha da profissão, lembrando que ela foi a primeira a ser regulamentada no Brasil, em 1933, antes da Medicina.

Citou que o mercado de trabalho precisa de profissionais com capacidade técnica; éticos; proativos; comprometidos com a empresa, com o trabalho, com o resultado; que trabalhe em equipe; tenha visão globalizada, seja automotivado, autoreciclado, com equilíbrio emocional, inteligência emocional e maturidade. Por fim, apontou que “mais valem as atitudes do que o conhecimento; melhor, boas atitudes com os fundamentos técnicos” e alertou os alunos da importância de serem da primeira turma de um curso que vai dar o melhor de si para eles.

Compareceram à aula magna, ainda, o presidente da Diretoria Administrativa da Fundação, Dr. José Carlos Rodrigues Amarante, o Prof. Me. Antonio Ágide Mota Junior, coordenador do curso de Administração, representando o Prof. Dr. Antonio Carlos de Araujo, pró-reitor acadêmico e de graduação da UNIFIPA, o conselheiro Prof. Joaquim Carlos Martins, o gerente do Centro de Serviços Compartilhados (CSC) da Fundação, Reginaldo Lopes, o gerente de serviços de saúde do Hospital Emílio Carlos, Benedito Carlos Rodrigues, demais funcionários da instituição e convidados.

O Prof. Dr. João Paulo, coordenador do curso de Agronomia, classificou a palestra como interessantíssima, pois o palestrante “explanou e instigou os alunos para o universo da agricultura, deixando claro o perfil e o que se espera de um profissional de Ciências Agrárias. Em todas as áreas, na realidade”, emendou.

Luís César Pio é engenheiro agrônomo formado pela UNESP de Jaboticabal, especialista em proteção de plantas pela Universidade Federal de Viçosa/MG e em projetos de máquinas pela Universidade de Lavras/MG, fundador e proprietário da Herbicat Ltda, MBA em gestão empresarial pela Fundação Getúlio Vargas e trabalhou por quatro anos com pesquisa e desenvolvimento na Elanco Química.

 

SONY DSC

SONY DSC

Comentários