24/04/2018, 12:09

Denise Cursino

O Olhar sensível do fotógrafo, Kiolo, está presente na 14ª SP Arte

Crina

Fonte: Naiara Teles | MD assessoria

Foto: Divulgação

Estreando no festival, o artista chega representado pela Gabriel Wickbold Studio & Gallery

 A partir do dia 12 de abril, a cidade de São Paulo respirará arte com a 14ª edição da SP-Arte – Festival Internacional de Arte de São Paulo, que acontece na Bienal de São Paulo, no Parque do Ibirapuera.

Com a participação de galerias expoentes no mercado das artes provenientes de 16 países, o Festival traz visitas guiadas da Feira, que entraram na programação do ano passado; lançamentos de livros; Talks – ciclo de debates com especialistas, artistas e colecionadores; e, nos dias 9 e 10 de abril, a 3ª edição do Gallery Night, circuito entre galerias que antecede a abertura da SP-Arte, na qual as participantes estendem o horário para proporcionar visitas ao público.

Vale ressaltar, que neste ano, entre as 160 galerias de arte, antiquários e design, estarão na SP-Arte, 12 novas galerias de São Paulo, sendo que oito instituições foram inauguradas nos últimos três anos na cidade e outras três abrirão suas portas durante a semana do Festival.

E já que estamos falando de estreias, o artista e fotógrafo, Kiolo, chega em grande estilo representado pela, também estreante, Gabriel Wickbold Studio & Gallery – GWS&G. “Um misto de felicidade e curiosidade resume a minha estreia na SP-Arte, porque é um festival que reúne pessoas do país inteiro e até de outros lugares do mundo. Eu já visitei algumas edições anteriores e agora sou um ‘expositor’, já que estou entre os 10 artistas que a galeria traz para o festival, ou seja, estou tão curioso para vivenciar a experiência do evento que pretendo está no evento todos os dias para ter o contato com o público e colher de perto esse feedback”, diz Kiolo sobre a participação no evento.

 Ao todo serão cinco obras expostas com a curadoria de Gabriel Wickbold, sendo que haverá um rodízio destas peças. “Começaremos a minha participação com uma obra inédita, intitulada de Crina, feita, neste ano, no Atacama”, completa Kiolo.

As outras quatro obras que serão levadas fazem parte da exposição solo “Geometrias insuspeitas do cotidiano” e apresentam o mundo da geometria cotidiana sob composições inusitadas, novos ângulos e possibilidades estéticas. “Selecionamos obras que apresentam a essência do meu trabalho. Logo, tudo que o público verá tem o “selo” Kiolo: geometrias, enquadramento, cor e contraste”, finaliza Kiolo.

Serviço:

SP-Arte/2018
11 a 15 de abril

Horários
Quarta, 11 de abril (Preview para convidados)
Quinta a sábado, 12 a 14 de abril: 13h–21h*
Domingo, 15 de abril: 11h–19h*

*A bilheteria encerra suas atividades 30 minutos antes do término do evento.

Pavilhão da Bienal
Parque Ibirapuera, portão 3
Avenida Pedro Álvares Cabral, s/n
São Paulo, Brasil
Estacionamento no Parque com Zona Azul

Ingressos
Inteira: R$ 45
Meia proporcional: R$ 20*

*Estudantes, portadores de deficiência, aposentados, idosos com mais de 60 anos, jovens entre 15 e 29 anos pertencentes a famílias de baixa renda, profissionais dos quadros docentes ou de gestão da rede pública estadual e municipal de ensino e portadores do Vale-Cultura poderão adquirir a meia entrada promocional, mediante apresentação de documento oficial com foto e respectivo documento de registro ao benefício. Crianças de até 10 anos não pagam entrada.

Classificação Indicativa: Livre
Esclarecemos que a SP-Arte é um Festival de artes visuais composto pelo acervo de diversas galerias, com autonomia para escolher artistas e obras expostas. Orientamos os frequentadores da SP-Arte a checar os avisos em cada galeria relativos a eventual conteúdo impróprio para menores de idade.

Comentários