22/10/2018, 21:07

Denise Cursino

Congresso Mundial de Ginecologia no RJ

Ferring Brazil

Fonte: Laís Sansoni – Agencia Mam

Foto: Divulgação

Prevenção da hemorragia pós-parto e o estudo CHAMPION serão debatidos por especialistas em simpósio organizado pela farmacêutica
A Ferring Pharmaceuticals, empresa biofarmacêutica e líder mundial em reprodução assistida, estará presente no XXII Congresso Mundial de Ginecologia e Obstetrícia da Federação Internacional de Ginecologia e Obstetrícia (FIGO) 2018, que acontece entre os dias 14 e 19 de outubro, no Rio de Janeiro, e abordará todos os aspectos da saúde da mulher no mundo.

Durante o evento, a farmacêutica realizará um simpósio para apresentar oficialmente o estudo clínico CHAMPION – patrocinado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) com a finalidade de encontrar um novo tratamento para hemorragia pós-parto (HPP) – à comunidade científica mundial, representada pelos mais de 9 mil obstetras e ginecologistas das mais de 130 sociedades-membro da FIGO, que são aguardados no congresso. O simpósio da Ferring Pharmaceuticals será mediado por especialistas confirmados do Brasil, Reino Unido, Quênia e Itália, e acontece no terceiro dia de evento, 16 de outubro, a partir das 13h15, na sala 201.

“O simpósio tem como objetivo mostrar a importância do estudo para uma prevenção, diagnóstico e tratamento mais adequados para o problema que é responsável por cerca de 70 mil mortes maternas por ano em todo o mundo, sendo 20% somente no Brasil. Além de gerar debates sobre as novas tecnologias e importantes demandas regionais e globais”, explica Alexandre Seraphim, presidente da Ferring Brasil.

O estudo clínico CHAMPION

O tratamento mais conhecido para o sangramento excessivo no pós-parto é a aplicação intravenosa de ocitocina sintética, uma versão do hormônio naturalmente produzido por parturientes. A medicação é extremamente sensível e necessita de refrigeração (entre 2°C e 8°C), o que limita o transporte e o armazenamento em áreas mais remotas, onde ocorrem justamente 99% das mortes relacionadas à HPP.

Uma nova alternativa com potencial de salvar a vida dessas mulheres foi encontrada pelo estudo clínico CHAMPION, que concluiu que a carbetocina termoestável pode ser a substituta ideal para o padrão atual de tratamento, já que é muito mais resistente a mudanças climáticas e permanece eficaz mesmo em altas temperaturas – sua durabilidade é assegurada por pelo menos três anos se armazenada a até 30 °C, e por seis meses a até 40 °C.

Conduzido pela OMS com colaboração da Ferring e MSD for Mothers, o estudo foi o maior já realizado na prevenção da HPP, incluindo quase 30 mil mulheres em dez países. “Este é um passo importante na prevenção da HPP e esses resultados vislumbram um caminho para salvar a vida de mulheres, especialmente em áreas onde o transporte e o armazenamento de medicamentos que necessitam de refrigeração não são viáveis”, explica Eli Lakryc, Ginecologista e Obstetra, Diretor Médico da Ferring Brasil”.

Simpósio Ferring Pharmaceuticals no XXII Congresso Mundial de Ginecologia e Obstetrícia

16 de outubro (terça-feira) a partir das 13h15

The Rio Convention & Visitors Bureau – R. Guilhermina Guinle, 272 – Botafogo, Rio de Janeiro

Sala: 201 (A + B) – Raymond Keller

Título: Toda mulher importa: Desafiando a prevenção da HPP em 2018

Cadeiras: Gian Carlo Di Renzo (Itália), Eduardo Fonseca (Brasil)

13h15 – Introdução – Eduardo Fonseca (Brasil)

13h15 – PPH – A necessidade de mais pesquisas – Sabaratnam / Arulkumaran (Reino Unido)

13h35 – CHAMPION – O maior estudo de prevenção da HPP – Zahida Qureshi (Quênia)

13h55 – IMox – Ensaio clínico comparativo no Reino Unido – Tim Draycott (Reino Unido)

14h15 – Fechamento – Gian Carlo Di Renzo (Itália)

Ferring Brazil

Comentários